Calvície Hereditária: Descubra tudo sem segredos

A Calvície é um problema que afeta mais de 1/3 da população masculina, e para alguns homens vaidosos ver a queda dos cabelos é uma experiência é desesperadora. No entanto, existe muita gente atrás de informação sobre a calvície, na internet.

Apesar de existir muitos sites e blogs sobre o assunto. Nem todos possuem informações confiáveis sobre a calvície hereditária, ou então acabam gerando mais dúvidas do que as sanando.

Por isso, que resolvi escrever este artigo com tudo sobre a calvície hereditária [Supercompleto], para que você conheça as causas, sintomas, tratamentos e 3 dicas.

Causas da calvície hereditária

A calvície hereditária, como o nome já diz, são fatores genéticos que herdados dos nossos antepassados.

Como podemos herdar olhos azuis, muito cabelo, cabelo loiro, ser alto, etc. Também podemos herdar para sofrer com a perda progressiva de cabelo.

O que herdamos em nosso código genético pode ser duas coisas que são responsáveis pela queda de cabelo.

Uma delas é a produção exagerada da testosterona, ou mais conhecido como o hormônio masculino. Desse hormônio dá origem a outro hormônio, o chamado DHT.

Esse hormônio o DHT, é o responsável por atacar os folículos capilares impedindo que novos fios de cabelo cresçam, e ainda enfraquece os fios de cabelos existentes.

A segunda coisa é a carência hereditária de vitaminas, que é quando o corpo não consegue manter os níveis ideais de vitamina.

No entanto, em ambos os casos, existe um tratamento natural que leva à cura da calvície e conheça mais.

Sintomas da calvície

Em geral, a diminuição dos cabelos se inicia por volta dos 17 e 20 anos de idade. Apesar de ser normal a perda de mais ou menos 100 fios por dia, o único sintoma da calvície hereditária é a queda de cabelo que ocorre com uma intensidade maior.

E em alguns momentos a queda diminui ficando mais lenta e é onde muitos pensam que a queda de cabelo melhorou ou que era muito estresse.

Mas, quando chegar por volta dos 40 anos a queda volta e com mais intensidade que aos 17 e, daí por diante a queda se torna frequente e sem volta.

De modo que, aos 55 anos a calvície já conseguiu tomar conta de toda a parte superior da cabeça, restando apenas as laterais e a nuca.

Tratamentos para Calvície 

A calvície hereditária tem duas causas, no entanto, cada uma delas também tem um tratamento específico.

No caso da calvície pelo aumento da testosterona no organismo, e consequentemente de DHT, podemos encontrar duas opções de tratamento:

No primeiro tratamento a opção é tomar para o resto da vida um medicamento chamado Finasterida, com efeitos colaterais bastante indesejáveis, como a perda de apetite sexual e mudanças repentinas de humor (bipolaridade).

Já a segunda opção é um tratamento natural, onde você vai incluir em sua alimentação diariamente alguns alimentos. Nesse tipo de tratamento além de saudável, seus efeitos já são vistos em cerca de 30 dias.

Este é um tratamento natural para a calvície hereditária, onde você vai conseguir amenizar a queda do cabelo basicamente com a reeducação alimentar. Porém, não é qualquer alimento.

Agora o segundo tratamento é bem simples e requer que você procure um médico e descubra quais são as vitaminas que estão faltando em seu organismo para completar a sua alimentação com suplementos vitamínicos.

A seguir separei dicas bem simples que você pode incluir em seu dia a dia e vai te ajudar a melhorar a queda de cabelo.

3 Dicas para combater contra a calvície hereditária

Primeira dica – Higiene dos cabelos.

Ao contrário do que muita gente pensa, lavar o cabelo todo dia não é sinônimo de limpeza! E lavar os cabelos todos os dias irá provocar ainda mais a queda de cabelo.

Ao lavar o cabelo todo dia, você tira alguns nutrientes do couro cabeludo que são fundamentais para não deixar os fios de cabelo caírem.

Por isso, lavar duas vezes por semana é o ideal, ou quando estiver realmente sujo.

Segunda dica –  Alimentação rica

Para manter a saúde dos cabelos é fundamental que você tenha uma alimentação rica em vitaminas e minerais.

Pois, estes nutrientes vão ajudar a fortalecer a raiz do cabelo, e evitar com que eles caiam com tanta facilidade.

Terceira dica – Se manter ativo

Ao contrário do que muitos pensam, a pratica de exercícios regulares ajuda a evitar a queda de cabelo. E uma caminhada não custa nada! Trinta minutos diários já são suficientes.

Além de ajudar na manutenção do peso e manter o corpo saudável, a atividade física regular vai aumentar o fluxo sanguíneo, melhorar a irrigação em todas as regiões do corpo, principalmente na cabeça, e vai fazer com que os fios fiquem mais fortes e resistentes a queda.

Espero que tenha gostado dessas dicas para evitar a calvície hereditária. Mas se você quer aprender como reverter a calvície e a queda de cabelo de uma forma natural.

Se você está tendo problemas com a calvície, conheça como funciona o Calvície Zero!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

11 + sete =